Talvez, você conheça algum membro da Igreja e essa pessoa, provavelmente faz armazenamento de várias coisas, principalmente de comida. Você já se perguntou o motivo? Se você nunca notou, pergunte a um conhecido da Igreja sobre armazenamento doméstico. E se você já viu, mas não entendeu a razão disso, nós vamos lhe explicar um pouco sobre isso, nesse artigo.

Emergências

Com toda essa paralisação nacional, muitas pessoas têm dinheiro, mas não há onde comprar as coisas de que necessitam, inclusive comida! E como todas as consequências podem ser amenizadas? Fazendo armazenamento doméstico!

Nosso Pai Celestial criou esta linda Terra, com toda sua abundância, para o nosso benefício e uso. Seu propósito é o de prover nossas necessidades ao seguirmos com fé e obediência. Ele nos ordenou amorosamente que “preparássemos todas as coisas necessárias” (D&C 109:8) para que, caso sobreviesse a adversidade, pudéssemos cuidar de nós mesmos e de nossos vizinhos e apoiar nossos líderes religiosos locais à medida que eles cuidam de outras pessoas.

Os nossos líderes nos pedem para sermos sábios ao armazenarmos mantimentos e água e ao fazermos uma poupança. Não devemos chegar a extremos. Não é prudente, por exemplo, fazer dívidas para conseguir um armazenamento imediato. Com planejamento cuidadoso, com o passar do tempo, organizaremos um estoque de mantimentos e uma reserva financeira.

flugalmente

O que devemos e como devemos armazenar?

Alimentos – Prepare um pequeno estoque de mantimentos que façam parte de seus hábitos alimentares diários. Uma forma de fazer isso é comprar alguns poucos itens extras todas as semanas e ter um armazenamento suficiente para uma semana. Depois você poderá gradualmente aumentar seu estoque até que tenha o suficiente para três meses. Deve-se fazer um rodízio regular para evitar que estraguem.

Certifique-se de que seu armazenamento de alimentos esteja devidamente embalado e armazenado em lugar fresco e seco.

Nota: É muito importante, colocar uma fita na embalagem com a indicação da data de vencimento, uma vez que a embalagem original do produto será descartada.

Água –  Armazene água potável para circunstâncias em que o abastecimento de água seja interrompido ou a água esteja poluída.

Caso a água venha de uma boa fonte pré-tratada, então não haverá necessidade de mais purificação; de outro modo, purifique a água antes do uso. Armazene a água em recipientes fortes, resistentes e que não vazem. Considere o uso de garrafas comumente utilizadas para sucos e refrigerantes.

Mantenha os recipientes de água afastados de fontes de calor e da luz direta do sol.

Para mais informações de como armazenar a água, clique aqui.

E para mais informações sobre como armazenar outros alimentos, clique aqui.

Reserva Financeira – Faça uma reserva financeira economizando um pouco de dinheiro a cada semana e aumentando gradualmente até conseguir uma quantia razoável.

Gás para cozinhar – Onde se usa gás para cozinhar é recomendado sempre deixar um botijão de gás como reserva. Ao terminar um, coloca-se aquele no lugar e já compra outro para substituir o que foi colocado para uso.

Tempo de validade de artigos para armazenamento a longo prazo

As pesquisas mostram que artigos comuns de armazenamento a longo prazo, se forem devidamente embalados e guardados a uma temperatura inferior à ambiente (75 graus Fahrenheit; 24 graus centígrados), permanecem nutritivos e bons para o consumo por muito mais tempo do que se supunha. Até depois de serem armazenados por muito tempo, esses alimentos podem suster a vida numa emergência.

Alimento Estimativa do Tempo de Validade em Anos
Trigo 30+
Arroz Branco 30+
Milho 30+
Feijão 30
Maçã Desidratada 30
Macarrão 30
Flocos de Aveia 30
Flocos de Batata 30
Leite em Pó 20

Qual quantidade devo armazenar?

Calcule a quantidade de alimentos que você vai precisar comprar para alimentar sua família por um dia e multiplique por 7. Essa é a quantidade de alimentos que você vai precisar para um suprimento de uma semana. Uma vez que tenha suprimentos para uma semana, vá aumentando gradualmente até obter o necessário para um mês e, por fim, três meses.

Ao calcular o quanto vai precisar para sua família num armazenamento de longo prazo, multiplique o número de pessoas na família por 2. Essa é uma estimativa de quantos pacotes você vai precisar de cada um dos gêneros alimentícios de primeira necessidade (arroz,feijão, macarrão, etc.). Em seguida, dobre o número de pacotes de arroz ou feijão, dependendo de sua preferência, para completar seu armazenamento de longo prazo.

No caso do gás, por ser perigoso, não é recomendado deixar grandes quantidades em casa, um gás em uso e outro para ser usado é o que se recomenda.

Família mórmon

O que os profetas disseram sobre o armazenamento doméstico

Presidente Thomas S. Monson:

“Um número muito maior de pessoas conseguiria sobrepujar as dificuldades de sua vida financeira se tivesse um (…) suprimento de alimentos (…) e nenhuma dívida. Sentimos que muitos seguiram esse conselho ao contrário: eles têm pelo menos um ano de dívidas e estão sem nenhum alimento.”  – “That Noble Gift—Love at Home”, Church News, 12 de maio de 2001, p. 7.

Presidente Gordon B. Hinckley:

“Todos os que possuem uma casa entendem a necessidade de um seguro contra incêndios. Esperamos e oramos para que jamais ocorra um incêndio. Contudo, pagamos o seguro para cobrir tal catástrofe no caso dela ocorrer. Devemos fazer o mesmo no que se refere ao bem-estar familiar.” –  “Aos Homens do Sacerdócio”, A Liahona e Ensign, novembro de 2002, p. 58.

Heber J. Grant:

“Nos dias de fartura, preparem-se para o dia de escassez.” –  Primeira Presidência, “Message of the First Presidency”, Conference Report, abril de 1942, p. 89.

Brigham Young

“Aprendam a sustentar-se. Armazenem grãos e farinha, e economizem para o dia de escassez.” –  Discourses of Brigham Young, org. John A. Widtsoe, 1954, p. 293.

Relacionado:

A Mochila de Emergência que Todo Mórmon Deveria Ter