JERUSALÉM, Israel – Horas depois que as Forças Armadas dos Estados Unidos ordenaram um bombardeio na Síria, o Presidente Russell M. Nelson interrompeu sua permanência em Jerusalém, cancelando sua visita principal em sua viagem mundial após as sessões da conferência no Centro da BYU em Jerusalém.

Em um momento de crescente tensão, a mensagem de A Igreja de Jesus Cristo dos Santos dos Últimos Dias é mais importante do que nunca, disse o profeta na manhã de sábado na Cidade Santa.

“A mensagem do Senhor Jesus Cristo é uma mensagem de esperança, é uma mensagem de amor, é uma mensagem de alegria”, disse o Presidente Nelson. “Isso é enfatizado neste momento de tensão elevada.”

Os Estados Unidos, juntamente com aliados britânicos e franceses, lançaram ataques aéreos na sexta-feira contra alvos militares sírios em retaliação a um ataque químico do regime do presidente Bashar al-Assad perto de Damasco que matou mais de 40 pessoas.

Os estudantes no Centro de Jerusalém da Universidade da BYU permanecerão em Jerusalém, onde estarão a salvo no prédio de oito andares situado no Monte Scopus, com vista para o Monte das Oliveiras e a Cidade Antiga.

O Élder Jeffrey R. Holland, que acompanha o Presidente Nelson na viagem, disse que a Igreja é muito precavida e nunca colocaria em risco o Presidente Nelson, aqueles que viajavam com ele ou os estudantes do Centro da BYU em Jerusalém.

O Presidente Nelson está acompanhado por sua esposa, a irmã Wendy Nelson. Élder Holland e sua esposa, a irmã Patricia Holland, também acompanham o presidente.

“Enfrentamos nessa semana o que enfrentamos muitas e muitas vezes aqui, algumas dificuldades na região”, disse o Élder Holland, do Quórum dos Doze Apóstolos. “Estamos sempre muito, muito protegidos. Estamos muito seguros.”

Do recinto do Centro da BYU em Jerusalém, o Presidente Nelson e o Élder Holland ofereceram uma mensagem de esperança quando a mídia internacional informou que os Estados Unidos, o Reino Unido e a França bombardearam três locais do governo.

O Presidente Nelson e o Élder Holland deram entrevistas para a Deseret News e a KSL e participaram das sessões do sacerdócio e sessões gerais da Conferência do Distrito de Jerusalém. Sister Nelson e a Sister Holland falaram em uma sessão especial para mulheres. Mais de 300 estudantes e membros locais da igreja em Jerusalém e cidades vizinhas participaram das sessões.

Por causa do significado de sua história, Jerusalém tornou-se uma visita importante na turnê do Presidente Nelson. Ele agora continuará ministrando em diversas localidades, como o Quênia, Zimbábue, Índia, Tailândia, Hong Kong e Havaí.

Fonte: Deseret News

Relacionado:

Presidente Nelson chega em Jerusalém, onde tudo aconteceu

Presidente Nelson e Élder Holland visitarão diversos países