O site LDS Daily publicou recentemente um artigo intitulado “Igreja SUD vai desativar a Internet WiFi nas capelas”, que criou uma grande celeuma. Muitos santos participaram de suas reuniões no domingo seguinte se perguntando se a senha Pioneer47 ainda garantiria acesso à Internet. Para minha surpresa, ainda consegui me conectar.

Senti-me aliviada e um pouco confusa, até que examinei o artigo novamente e percebi três coisas:

  • Nem a Sala de Imprensa Mórmonnem o Deseret News cobriu a história.
  • Nenhuma autoridade geral foi citada na história. Para uma mudança tão grande, certamente eles teriam algo a dizer.
  • O artigo foi publicado em 1 de abril de 2018. Dia da mentira.

Então, caso encerrado Pioneer47 continuará sendo a senha para o WiFi nas capelas SUD.

Mas fiquei pensando… O que aconteceria se a Igreja realmente desabilitasse o acesso à Internet WiFi nas capelas?

1. Escola dominical seria muito mais insossa.

wifi

Não porque teríamos dificuldade para entreter-nos por meio dos dispositivos móveis durante a Escola Dominical.

Mas, e se o professor quiser compartilhar um vídeo? Os recursos da Igreja como o Vídeos da Bíblia e as Mensagens Mórmons foram feitos para serem usados e compartilhados em casa e na igreja.

2. Participar das aulas com base em discursos da conferência geral seria mais difícil.

wifi

Pelo menos uma aula da Sociedade de Socorro e do Sacerdócio por mês tem como base um discurso da conferência geral.

As aulas geralmente começam mais ou menos assim na minha ala. “Hoje nós vamos falar sobre o discurso Presidente Uchtorf de outubro de 2017. Se estiverem com seus telefones, abram o discurso no LDS.org ou no aplicativo. Vamos ler alguns trechos e discutir juntos.”

Sem o acesso ao WiFi e à Internet, essas aulas seriam mais ou menos assim:

Na verdade, não haveria aula sem acesso ao discurso.

3. Pense nas crianças!

Todos sabemos que crianças ficam meio hiperativas na igreja.

wifi

Mas quando você menciona um vídeo… as coisas mudam.

wifi

Às vezes tudo de que as crianças precisam é de uma pausa, e então tudo entra nos eixos. Sem mencionar que há muitos ótimos vídeos feitos pela Igreja para crianças.

4. Alguém ainda leva as escrituras físicas para a igreja?

wifi

Ficaríamos limitados nas reuniões de domingo. Faz anos desde a última vez que levamos um carregamento de escrituras para a igreja.

5. Mas o que realmente aconteceria…

… é que usaríamos nossos dados móveis de telefone para acessar à Internet ao invés de usar o WiFi da igreja.

Algo para pensar

Essas cinco razões deixam de reconhecer as questões práticas que a mudança criaria, como os missionários que não poderiam enviar e-mail para a família da capela no dia de preparação; a dúvida para determinar quais chamados administrativos merecem acesso ao WIFI e quais chamados não; e as complicações dos bispos e outros administradores que seriam colocados em uma posição desconfortável por ter que manter a senha do WiFi confidencial.

Todas estas razões práticas (e impraticáveis) me levam a acreditar que a Igreja realmente não vai desabilitar o acesso ao WiFi nas capelas tão cedo.

Fonte: Mormonhub.com

Relacionado:

Diversas redes sociais serão bloqueadas na rede de internet das capelas mórmon