Encontrar a paz

Às vezes nossa única vontade é dormir e não ver as horas passarem. Os problemas surgem com grande facilidade, nós dizemos. Os dias por vezes parecem iguais, confusos e pesados. Trabalhamos, cuidamos da casa, estudamos, vamos a Igreja. Começa e termina a semana, começa e termina o mês… O ano. Mas sentimos que ainda nos falta algo. Talvez estejamos em busca de paz.

A verdade, é que todos nós estamos em busca de paz. Em busca de tranquilidade. É bom saber que podemos encontrá-la. As Escrituras trazem uma frase do Mestre que diz: “Tenho-vos dito isso, para que em mim tenhais paz; no mundo tereis aflições, mas tende bom ânimo, eu venci o mundo”. (João 16:33).

Mas a pergunta continua ali: Como ter paz? Onde encontrar a paz? Antes de respondermos a essa pergunta, vamos juntos ler uma história:

Conta-se que havia um homem que se achava muito sem sorte. Ele achava que nada em sua vida dava certo e vivia a reclamar. Então um dia ele resolveu procurar Deus e perguntar o motivo de uma vida tão ruim. E foi isso que ele fez: ele foi procurar Deus. Ao começar seu caminho para procurar Deus, ele ouviu um lobo. O lobo falava bem baixinho:

encontrar a paz

– Ei, você vai procurar Deus?

– Sim, respondeu o homem.

Então quando encontrar Deus pergunte a Ele porque eu estou tão magro – disse o lobo.

Ok se der tempo eu pergunto – respondeu o homem.  

Andando pelo caminho, o homem tropeçou em galhos secos de uma árvore podre. A árvore toda fraca, disse ao homem:

encontrar a paz

– Ei, você vai procurar Deus?

– Sim, respondeu o homem.

Então quando encontrar Deus pergunte a Ele porque eu estou sempre tão seca e porque a podridão tomou conta de mim tão facilmente, disse a árvore.

Ok se der tempo eu pergunto – respondeu o homem.  

Por mais algum tempo aquele homem continuou seu caminho quando ouviu uma bela mulher chorando.

encontrar a paz

Ela imediatamente o parou e perguntou:

– Ei, você vai procurar Deus?

– Sim, respondeu o homem.

Então quando encontrar Deus pergunte a Ele porque eu estou tão sozinha, sem companhia, amigos ou um esposo, pediu a mulher.

Ok se der tempo eu pergunto – respondeu o homem.  

E a busca continuou por mais algum tempo, até que aquele homem encontrou Deus. Ao encontrar-se com Deus a conversa foi longa… Muito demorada! O homem falou por horas e horas e ouviu o que Deus tinha para ensinar. Deus havia-lhe dito que a paz e a felicidade não estariam no fim e sim no caminho.

Então aquele homem voltou para sua casa.

No caminho, ele encontrou aquela bela mulher que chorava e disse a ela:

– Ei, escuta! Deus disse que você está sozinha, mas não é por muito tempo não. Ele disse que quando passar um homem pelo caminho deve convidá-lo para tomar um suco. Assim poderão ser bons amigos e quem sabe, se casarão.

Aquela mulher entendeu o recado e o convidou para um suco. Mas ele recusou dizendo que deveria ir embora, pois estava em busca de paz e felicidade que Deus disse que estava no caminho.

Tempo depois, o homem se depara com a árvore. Lembram-se dela? Então ele diz para a árvore:

– Deus disse que você está assim, porque há ouro enterrado debaixo de você. Suas raízes não têm firmeza e se enfraquecem por isso. Mas Deus disse que quando passar um homem pelo caminho você deve pedir a ele para tirar o ouro, assim você crescerá tranquilamente.

A árvore implorou para que ele tirasse o ouro para ela. Mas ele recusou dizendo que deveria ir embora, pois estava em busca de paz e felicidade que Deus disse que estava no caminho.

Um pouco mais a frente, o homem encontrou  o lobo  que sem demoras o pergunta o que Deus havia dito.

O homem responde que Deus disse que o que o lobo tinha era fome. O lobo deveria aproveitar as oportunidades de alimento que aparecessem pelo caminho.

Mais que imediatamente o lobo entende o recado e engole o homem.

Moral da história: a paz e a felicidade estão no caminho e não no fim dele.

Obviamente a paz que buscamos é muito mais complexa que essa simples história. No mundo real, muitas vezes dizemos como no hino “Onde encontrar a paz e o consolo, quando o mundo estiver contra mim?” (Hinos nº 73) E não raro nos sentimos assim: parece que o mundo está contra nós e que a paz está cada vez mais distante.

No entanto, podemos encontrar consolo nas palavras do Mestre Jesus Cristo: a paz está Nele. Se procurarmos a Ele teremos paz. É dele o convite: “Vinde a mim, todos os que estais cansados e oprimidos, e eu vos aliviarei”. (Mateus 11:28)

encontrar a paz

A paz não está no fim da jornada e sim, em cada passo dela. A paz está no caminho.


Leia também: Encontrar a Paz, Thomas S. Monson, março 2004.

(Visited 389 times, 1 visits today)