Todos já passamos por isso. Você está com um grupo de pessoas no dia 31 de dezembro. Conversando, alguém pergunta: “Então, quais são suas metas de ano novo?” Você pausa. Não pensou sobre isso ainda. Possivelmente pensar nisso e compartilhar seus pensamentos com outra pessoa força você a fazer um compromisso. Você pelo menos se lembra das metas do ano anterior?

Se não lembra, por que não?

Tem a ver com dois conceitos que as pessoas que acreditam na divindade conhecem: esperança e fé. A fim de atingir nossas metas – de ano novo ou de outro tipo – precisamos das duas coisas. Quando apenas esperamos as coisas, queremos um resultado bom, mas não temos certeza de qual será ou o que devemos fazer para garantir o resultado. A fé nos dá a direção e o foco de que precisamos para atingir os resultados que desejamos.

Minha experiência

Fiz um treinamento em Fort Knox, Kentucky, agora no verão. Houve muitos eventos que mediram minhas habilidades de soldado. Um deles era o campo de tiro. No treinamento, tínhamos que atirar em 40 silhuetas que apareciam por alguns segundos de cada vez, a uma distância de 50 a 300 metros. Para passar no curso, tínhamos que acertar pelo menos 23. Quando era minha vez de atirar, minha proteção ocular embaçou, (Kentucky é bastante úmido). Tive dificuldade em enxergar direito e não atingi alvos suficientes.

Felizmente, tive uma segunda chance. Voltei para a fila, peguei mais munição e esperei um resultado melhor. Percebi que isso provavelmente não teria resultado, então eu exercitei a fé. Eu sabia que conseguiria atirar melhor do que antes. Então segui os passos para atingir o resultado de que precisava. Segui alguns conselhos básicos de pontaria de um dos sargentos. Observei os alvos por um tempo para ver exatamente quanto tempo eu teria para atirar em cada um e fiz algo importante: Orei.

“Pai Celestial”, eu disse, “sei que não me podes tornar um atirador melhor. Mas o Senhor poderia, por favor, impedir que meus óculos fiquem embaçados?” Juntei o que tinha aprendido à força extra que obtive da oração e voltei para a fila. Meus óculos ficaram nítidos e acertei 35 dos 40 alvos.

A importância de compartilhar nossas metas com alguém

Outra parte fundamental de ter fé para atingir nossas metas é compartilhá-las! Encontrar alguém em quem confie e compartilhe o que está fazendo e o porquê. Quer você esteja escrevendo um livro, frequentando a academia ou aprendendo uma nova habilidade, é mais provável de obter sucesso se mais alguém souber. Por fim, aconselhe-se com Deus diariamente e obtenha força por meio de oração e meditação.

Se você traçou metas para 2018, exerça fé. Você tem um livro cheio de páginas em branco. Nele você pode escrever os próximos capítulos da sua vida. Tenha um certo resultado em mente e trace objetivos e planos concretos. Ao confiar em Deus, confie em si mesmo e atinja as metas uma a uma. No próximo ano que você poderá dizer que você traçou uma meta e a atingiu.

Escrito por Daniel West e publicado pelo site Faithcounts.com

Relacionado:

A fórmula do Senhor para alcançar suas metas de Ano Novo