Um sonho é algo interessante. Os sonhos já me ensinaram lições que mudaram minha vida. Gostaria de compartilhar uma dessas lições.

Uma noite acordei de um sonho perturbador. Sentia dores físicas, transpirava e meu coração estava acelerado. Todos os sentidos estavam aguçados. O sonho foi longo, mas as lições aprendidas podem ser resumidas por experiências específicas dele.

Nele eu estava em um ambiente muito diferente e desconhecido. Tudo era estranho para mim. Não reconheci onde estava nem as pessoas em volta. Estava ansiosamente procurando minha esposa, Jeanene. Estávamos longe um do outro e eu queria muito encontrá-la. Todos com quem eu me encontrava me dizia que eu não a encontraria. Busquei em diferentes locais repetidas vezes para encontrá-la. Todos eram enfáticos ao me dizer que eu não a encontraria. Fiquei muito frustrado. Um indivíduo disse: “Ela não é mais a mesma pessoa. A Jeanene que você conheceu não existe mais”.

Conclusão Absurda

Pensei: “Isso é impossível. Eu a conheço, sei que ela nunca vai mudar.”

Então disseram: “Você não é o mesmo. Não existe ninguém chamado Richard Scott e em breve todas as lembranças que você teve de Jeanene, seus filhos e outros entes queridos serão apagadas.”

Meu coração encheu-se de medo e uma sensação horrível. Depois veio o pensamento: “Não, isso é impossível. Esses relacionamentos são duradouros e imutáveis. Enquanto vivemos retamente, eles não podem ser eliminados. Eles são eternamente fixos.”

Tão Miseráveis Quanto ele Próprio

A medida que me encontrava com mais indivíduos, percebi que eles eram maus e completamente infelizes. Seu propósito era frustrar a felicidade dos outros para que eles também se tornassem miseráveis. Esses seres perversos esforçavam-se para manipular as pessoas e exercer controle sobre elas. De alguma forma, eu estava consciente de que aqueles que acreditavam em suas mentiras estavam sendo enganados e traídos a respeito do que eles mais amavam. Eles prontamente começaram a acreditar que a sua individualidade, sua experiência e seus relacionamentos com familiares e amigos haviam sido alteradas e perdidos. Eles ficavam irritados, agressivos e cheios de sentimentos de desesperança.

A pressão para aceitar aquela realidade tornou-se intensa. Eles queriam que eu acreditasse que o que eu haviam sido eu não era mais e que minha querida esposa não era mais a mesma. Eu resisti a esses pensamentos com toda minha capacidade. Eu estava determinado a encontrá-la. Eu sabia que conseguiria encontrá-la e estava disposto a despender o tempo e os esforços necessários para tal.

Como Me Libertei

Foi então que consegui sair daquele ambiente opressivo que me cercava. Percebi que era um ambiente feio e artificial. Foram muito intensos os sentimentos gerados aqueles empenhados em destruir a minha esperança e me levar cativo. Tanto que eu não tinha percebido que as forças de oposição que faziam meus esforços parecem infrutíferos não poderiam ter poder sobre mim a menos que eu sucumbisse ao medo ou abandonasse meus princípios. O ambiente parecia real, no entanto, ele tinha sido gerado pelo medo e a ameaça. Embora fosse simulado, para aqueles que acreditavam nas falsidades impostas tornava-se realidade.

Agora entendo que por causa da minha fé nas verdades do plano do evangelho consegui ver claramente o ambiente manipulativo de Satanás. Não só no sonho, mas na vida real também. Havia uma influência confinada, controladora e destrutiva que pode ser superada pela fé e obediência à verdade.

pré-mortal

Depois do Sonho

Ao acordar, tomaram conta de mim inexplicáveis sentimentos de amor e gratidão por nosso Pai Celestial e Seu Filho Amado. Meu coração e minha mente encheu-se de amor por eles e inexprimível apreço pelas bênçãos disponíveis para todos os filhos espirituais do Pai Celeste dispostos a acreditar e ser obedientes ao plano de felicidade. Não consigo expressar a alegria indescritível, a sensação de estar envolto em puro amor, a garantia absoluta que nunca perderemos nossa identidade ou memória dos queridos relacionamentos os benefícios de ações justas se continuamos a resistir ao mal e ser obedientes à verdade.

Embora eu não gostaria de ter outra experiência como esse sonho, aprendi como é fácil não dar o devido valor ao nosso relacionamento com o Pai Celeste e Seu Filho Amado, nosso Mestre e Salvador. Ó, como somos abençoados por Eles serem como eles dizem que são, perfeitos em todas as capacidades e atributos.

Escrito por Élder Richard G. Scott, extraído do livro “21 Principles” [21 Princípios] e traduzido por Luciana Fiallo Alves

Fonte: www.LdsLiving.com

Relacionado:

O Poder da Atitude

 

(Visited 749 times, 1 visits today)