Muitos são os comentários de que as Escrituras descrevem uma realidade passada, ultrapassada, diferente e muito distante de nós. Há muitos que acreditam que nada podemos aprender e que não podemos interpretá-las literalmente. Porém, isso não é real. Por exemplo, já ouviu a parábola do Bom Samaritano?

A Parábola do Bom Samaritano

A parábola do Bom Samaritano, em Lucas 10:25-37, pode nos ensinar muito, mesmo que tenha sido escrita há muitos anos.

Você se recorda dessa história?

“E eis que se levantou um certo doutor da lei, tentando-o, e dizendo: Mestre, que farei para herdar a vida eterna?

E ele lhe disse: Que está escrito na lei? Como lês?

E respondendo ele, disse: Amarás ao Senhor teu Deus de todo o teu coração, e de toda a tua alma, e de todas as tuas forças, e de todo o teu entendimento; e ao teu próximo como a ti mesmo.

E disse-lhe: Respondeste bem; faze isso, e viverás.

Ele, porém, querendo justificar-se a si mesmo, disse a Jesus: E quem é o meu próximo?

E respondendo Jesus, disse: Descia um homem de Jerusalém para Jericó e caiu nas mãos dos salteadores, os quais o despojaram, e espancando-o, se retiraram, deixando-o meio morto.

E, por acaso, descia pelo mesmo caminho um certo sacerdote; e vendo-o, passou de largo.

E de igual modo também um levita, chegando-se ao lugar, e vendo-o, passou de largo.

Porém um certo samaritano, que ia de viagem, chegou ao pé dele, e vendo-o, moveu-se de íntima compaixão;

E aproximando-se, atou-lhe as feridas, deitando-lhes azeite e vinho; e pondo-o sobre a sua cavalgadura, levou-o para uma estalagem, e cuidou dele;

E partindo no outro dia, tirou dois denários, e deu-os ao hospedeiro, e disse-lhe: Cuida dele; e tudo o que gastares a mais, eu to pagarei quando voltar.

Qual, pois, destes três te parece que foi o próximo daquele que caiu nas mãos dos salteadores?

E ele disse: O que usou de misericórdia para com ele. Disse, pois, Jesus: Vai, e faze da mesma maneira.”

Três pessoas passaram por aquele homem necessitado e somente uma delas estendeu a mão em auxílio, o samaritano. Quando lemos essa Escritura, temos a tendência de pensar que devemos sempre estender a mão aos necessitados. Mas, será que é isso que temos feito?

Convidamos-lhes para assistir esse pequeno, mas profundo vídeo sobre ser um bom samaritano moderno:

Quem somos nós nesse vídeo?

Nós somos aqueles que sentem dó? Nós somos aqueles que lançam olhares curiosos? Nós somos aqueles que não enxergam a necessidade real, mas lançamos uma moeda? Nós somos a mulher que vai ao encontro daquele que precisa de ajuda?

“Sim, e estais dispostos a chorar com os que choram; sim, e consolar os que necessitam de consolo e servir de testemunhas de Deus em todos os momentos e em todas as coisas e em todos os lugares em que vos encontreis, mesmo até a morte”. (Mosias 18:9)

Afinal, “quando estais a serviço de vosso próximo, estais somente a serviço de vosso Deus.” (Mosias 2:17)

O convite do Salvador é para que estamos sempre dispostos e atentos às necessidades uns dos outros.  Talvez, o que precisaremos ofertar, será nosso dinheiro. Às vezes, nosso carinho, nossa atenção ou nosso amor. Ou quem sabe somente nossa presença.

Se deixarmos nosso coração aberto à possibilidade de prestar serviço compassivo a outras pessoas, o Senhor nos abençoará para reconhecermos e agirmos de acordo com as oportunidades que nos são oferecidas diariamente para nos tornarmos bons samaritanos em nossa época. Nós podemos ser bons samaritanos dos dias atuais.

Saiba mais:

Igreja SUD Despendeu 1,2 Bilhões com Esforços Humanitários e Bem-Estar

(Visited 219 times, 1 visits today)